Novembro Azul


Depois do Outubro Rosa, período dedicado à conscientização da mulher no combate e prevenção ao câncer de mama, inicia-se a campanha “Novembro Azul”, desta vez, visando promover o combate do câncer de próstata, incentivando os homens à realização do exame.

Novembro Azul

O câncer de próstata é uma doença que atinge os homens em maior escala quando comparado ao índice em que o câncer de mama atinge as mulheres. Um dos principais fatores, além da falta de informação propriamente dita, ainda é o preconceito com o exame de toque retal, assunto que muitas vezes vira motivo de piadas entre alguns homens.

Com as diversas campanhas educativas realizadas pelos movimentos durante o Novembro Azul e também o esforço da mídia no combate ao câncer de próstata, felizmente estes números estão mudando, e o homem está cada vez mais buscando orientação.

Mesmo assim, ainda estima-se que 1 a cada 6 homens ainda terão câncer de próstata durante sua vida, e 1 a cada 34 ainda morrerá da doença.

Apesar das estatísticas ainda não muito animadoras, sabe-se que 9 a cada 10 casos tem chances de cura, desde que diagnosticada precocemente, o que reforça ainda mais a busca e o incentivo das campanhas em apoio ao combate e prevenção precoce desta doença, assim como é com o câncer de mama para as mulheres.


Orientações sobre o Câncer de Próstata

Listamos algumas dicas e orientações para contribuir com o incentivo aos exames preventivos e combater o câncer de próstata:

1. Quando se deve fazer o exame preventivo?

Inicialmente, recomenda-se que homens entre os 40 e 45 anos procurem o médico urologista, especialista do sistema reprodutor masculino, e façam o exame preventivo, preferencialmente se houver incidência na família, já que isso é aumenta as chances de risco.

Homens que não possuírem registro de antecedentes de câncer de próstata na família, idealmente podem optar em procurar o urologista e realizar o procedimento a partir dos 50 anos de idade.

2. O exame de toque retal é a única forma de diagnosticar o câncer de próstata?

Apesar de ser um dos principais procedimentos para o diagnóstico, não é o único. É possível iniciar através da realização do exame de sangue, conhecido como “PSA”, sigla em inglês para “Prostate Specific Antigen”, que em português significa “Antígeno Prostático Específico”, fazer uma Ultrassonografia da próstata, por fim, a realização do exame de toque retal para concluir.

Cada exame complementa o outro, pois cada um tem seu valor e precisão, e em conjunto oferecem uma chance maior de diagnosticar a doença precocemente.

3. Quais são os sintomas do câncer de próstata?

Os principais sintomas para detectar esta doença são:

  • Desconforto Urinário.
  • Aumento da frequência urinária durante a noite.
  • Jato urinário mais fraco que o comum.
  • Sangramento urinário, quando em fase já avançada da doença.

4. Qual o tratamento para o câncer de próstata?

De acordo o Instituto Nacional do Câncer, órgão do Ministério da Saúde do Brasil, o tratamento para o câncer de próstata é relativo a cada tipo.

  • Para doença localizada, são oferecidas as opções de cirurgia, radioterapia e em determinadas situações a observação vigilante.
  • Para doença localmente avançada, recomenda-se a radioterapia ou cirurgia em combinação com tratamento hormonal.
  • Para doença metastática, ou seja, quando o tumor original já se espalhou para outras partes do corpo, o tratamento mais recomendado é a terapia hormonal.

A escolha do tratamento mais adequado deve ser escolhida preferencialmente pelo paciente individualmente, através de uma conversa com seu médico, no qual devem ser discutidos os riscos e benefícios de cada tratamento.

Fonte sobre o tratamento: INCA


Compartilhe a mensagem de apoio no Facebook e no seu site

Preparamos uma mensagem especial de apoio ao Novembro Azul para que você possa curtir e compartilhar com seus amigos do Facebook:

Novembro Azul Digitalmed

1. Para divulgar esta imagem diretamente no seu perfil
Acesse a foto neste link e clique em “Compartilhar” ou “Curtir”.

2. Para colocar esta imagem em seu site
Basta copiar o código HTML no campo abaixo, clicando na caixa e pressionando CTRL + C ou clicando com o botão direito do mouse e escolhendo a opção “Copiar”.


Como surgiu o Novembro Azul

Sua origem se deu na Austrália no ano de 2003, em aproveitamento às comemorações do dia mundial de combate ao câncer de próstata, data comemorada no dia 17 de novembro.

Em muitos países, o Novembro Azul é marcado por inúmeras reuniões entre homens sempre tratadas com seriedade e ao mesmo tempo muito bom humor, nas quais alguns homens aderem ao cultivo de grandes bigodes, símbolo do movimento, para discutirem sobre assuntos relacionados à saúde masculina, como câncer de próstata, nos testículos, depressão em homens, e bem estar.

O mês de novembro também é marcado pelo Dia Internacional do Homem, realizado em 19 de novembro a cada ano, comemoração que teve início em 1999 em uma iniciativa do Dr. Jerome Teelucksingh em Trinidad e Tobago, com o apoio da Organização das Nações Unidas (ONU).


Nossa contribuição no diagnóstico

Além da tradicional mudança no visual do nosso site em apoio ao movimento, das informações que reunimos aqui para ajudar na orientação sobre a doença e também a mensagem de apoio que preparamos para incentivar a busca pela prevenção e tratamento, a Digitalmed também atua em um mercado diretamente ligado às atividades médicas através do desenvolvimento de soluções em software para oferecer total apoio ao diagnóstico médico.

Através das nossas soluções para o segmento de Diagnóstico por Imagem, o médico dispõe de apoio tecnológico completo e máxima precisão nos diagnósticos de doenças como o câncer de próstata através da ultrassonografia, um dos procedimentos mais importantes a serem realizados na busca desta doença.

Equipe Digitalmed contribuindo com a causa




Comentários